O Bloco de Esquerda quer que a Pousada de Juventude da Terceira volte a estar à disposição dos jovens que procuram um alojamento a preços acessíveis quando visitam a ilha. Alexandra Manes, candidata do Bloco ao parlamento pela Terceira, alerta para o estado avançado de degradação do edifício e aponta a solução: o governo deve avançar com as obras de grande reparação e fazer um acordo com a autarquia para gerir a Pousada.

Em 2022, o Bloco de Esquerda alertou para a situação de abandono em que se encontrava o edifício da Pousada da Juventude da Terceira e questionou o governo sobre o futuro daquelas instalações, que pertencem à Região, mas estão concessionadas a uma empresa privada.

Desde então, não houve qualquer desenvolvimento: nem a empresa privada, nem o governo avançaram com obras de reparação e o edifício está cada vez mais degradado.

Numa visita ao local, hoje, Alexandra Manes lembrou que “o objetivo principal da Pousada da Juventude é receber jovens que podem encontrar aqui um alojamento a preços comportáveis” e salienta que atualmente este objetivo não está a ser cumprido.

“A pousada está encerrada desde a pandemia e nada mais se sabe acerca do futuro”, lamenta a candidata, que quer devolver aquele espaço aos jovens, contribuindo também para uma maior dinâmica cultural e económica da vila de São Mateus.

Alexandra Manes salienta também que o presidente da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo já manifestou interesse em ficar responsável pela gestão do edifício da Pousada da Juventude, por isso a candidata acredita que é possível haver um entendimento entre o governo e autarquia para recuperar o edifício e voltar a abrir a pousada com o objetivo para o qual foi criado.