Foto e Texto: José Araújo

O Marítimo SC recebeu no passado dia 7 janeiro GD Fabril no pavilhão Municipal Carlos Silveira a contar para a 4ª jornada do Campeonato Nacional da 3ª Divisão, zona Sul B.

O Marítimo e venceu o jogo com GD Fabril por 6 – 0 com 4 – 0 ao intervalo.

Antes de nos debruçarmos sobre o jogo, que teve duas partes destintas, nomeadamente a primeira mais bem jogada e com muita pressão sobre o adversário e uma segunda de menor pressão com golos só nos cinco minutos finais.

Para este jogo o Marítimo apresentou a jogo dois reforços de Inverno (Argentino) e Tiago Leite (ex-HC Ponta Delgada). Melhor começo não podia ser, Vilson uma assistência para golo de Tiago Leite, e um golo de Vilson Bartolloto com uma assistência de Octávio Zangheri seu compatriota.

Melhor começo destes reforços de Inverno não podia ser para o treinador Júlio Soares que assim os viu dar um bom contributo para o jogo com os golos.

Nesta primeira parte tivemos um Marítimo taticamente e tecnicamente bem organizado trocando bem a bola entre si para chamar o adversário e numa dessas transições Henrique Viçoso abre o ativo aos 20:18.

E aos 13:57 o Argentino Octávio Zangheri aumentou o marcador para 2 – 0 numa boa triangulação. O mesmo Octávio faz o 3 – 0 após uma boa assistência do seu colega Tiago Leite aos 13:28. E aos 12:37 mais um golo 4 – 0, com selo Argentino do recém-chegado Vilson Bartolotto e com assistência do seu compatriota Octávio Zangheri, resultado com que terminou a 1ª parte.

A 2ª parte foi diferente (sem golos) em cerca de 20 minutos, o Marítimo viu o seu adversário a defender o seu quadrado e jogar mais nas transições. A supremacia dos azuis da Calheta foi por demais evidente, mercê de um hóquei rápido com excelentes triangulações, mas falhando à “beira” da baliza adversária, um ponto a rever.

O treinador do Fabril Filipe Fernandes, tentou incutir o golo aos seus atletas, mas não teve em Tiago Rosa aquela mais valia do dia anterior, pois falhou a concretização do livre direto aos 14:55, pois todos estavam com a pontaria desafinada e desgastados.

E foi o Marítimo que finalmente cordou para os golos nos cinco minutos finais e marcou o 5 – 0 da autoria de Tiago Leite aos 4:59, com assistência de Octávio Zangheri. Finalmente Alexandre Resendes fecha o resultado em 6 – 0 aos 3:22, num golo com assistência de Tiago Leite.

Fazendo uma apreciação final ao jogo, vi um Marítimo mais coeso, com mais alternativas ao cinco inicial, falta sim a esta equipa um concretizador dentro do último reduto adversário. Os reforços estão a fazer ainda a sua adaptação à equipa, mas temos em Vilson um jogador com boa visão de jogo e Tiago Leite não precisa de apresentações, sabemos que é um jogador muito combativo em pista.

Quanto ao Fabril tem jogadores jovens com muito talento, bem orientados, nada está perdido e ainda pode dizer ao que vem neste campeonato.

Ao longo dos 50 minutos de jogo só houve um livre direto, o que demonstra que ambas as equipas vieram para este jogo para jogar hóquei patins e pontuar e subir ou manter a classificação.

Uma arbitragem que passou despercebida, com alguns erros de Fernando Lopes para os dois lados, sem qualquer influência no jogo e sem disciplina, ou seja, apitou o que tinha de apitar sem complicar.

Com esta vitória o Marítimo continua a liderar a classificação geral com 31 pontos, mais quatro do que o segundo lugar o Sporting CP “B” em 11 jogos, tem 10V, 1E e zero derrotas, com 61GM e 18GS e continua a ser a equipa mais concretizadora desta série e com a melhor defesa.

O GD Fabril está em 12º lugar com 12 pontos, resultante de 3V, 3E, 6D com GM51 e 65GS.

Para o próximo fim de semana dia 13 janeiro (sábado), pelas 17:00 (hora local), vamos ter os 16 Avos da Taça de Portugal no pavilhão Carlos Silveira, num jogo em que o Marítimo SC recebe o Riba d´Ave HC/Sifamir a militar na divisão maior do hóquei patins nacional.

O Riba d´Ave HC/Sifamir está em 13º lugar na classificação geral do Campeonato Placard, com 7 pontos em 13 jogos, 2V, 1E, 10D, GM32, GS57, quem sabe um bom “desafio” para os azuis da Calheta.

Marítimo SC:

Cinco Inicial: GR Tiago Simões, Carlos Guimarães, Tiago Botelho, Octávio Zangheri e Henrique Viçoso.

GR Nuno Teixeira, Tiago Leite, Alexandre Resendes, Vilson Bartolotto e Bruno Botelho.

Treinador: Júlio Soares

Golos: Tiago Leite (1), Octávio Zangheri (2), Henrique Viçoso (1), Alexandre Resendes (1) e Vilson Bartolotto (1).

GD Fabril:

Cinco Inicial: GR João Caldeira, Fábio Nunes, Reginaldo Migalhas, Christian Zelaya, Tiago Rosa,

GR Miguel Parreira, Alexandre Amaro, Pedro Castro, Paulo Andrade e Luís Matos.

Treinador: Filipe Fernandes

Arbitragem de Fernando Lopes, árbitro de Categoria B