A Câmara Municipal da Horta anunciou hoje a criação do programa “‘Backhome’ – De Volta ao Faial”, destinado a incentivar os jovens a regressarem à ilha do Faial para exercerem a sua atividade profissional após terminarem os estudos superiores.

Segundo a autarquia da Horta, o programa municipal “consistirá na devolução do valor anual que os estudantes pagam atualmente de propina no ensino superior público, isto é, o valor de 697 euros, por cada ano de trabalho declarado na ilha [do Faial] após a conclusão dos seus estudos”.

Para o presidente da autarquia, Carlos Ferreira, trata-se de “uma medida estrutural para a captação e fixação de jovens na ilha do Faial”.