O encontro Santa Clara – Marítimo, da 12.ª jornada da II Liga de futebol, poderá ter público, após a providência cautelar interposta no Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) ter sido aceite, informou hoje o clube açoriano.

O Santa Clara foi condenado pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol a uma multa de 2.142 euros e um jogo à porta fechada, por reincidência no não funcionamento do sistema de videovigilância exigido pelo regulamento disciplinar da Liga de clubes.

O Santa Clara, que ocupa a segunda posição da II Liga, o segundo escalão do futebol português, recebe o Marítimo, que ocupa o quinto lugar.

O clube açoriano anunciou também em comunicado que o jogo terá um caráter solidário.