Esta sexta-feira, dia 13 de outubro, a Câmara Municipal de Lagoa atribuiu à Associação Grupo de Jovens de Lagoa – Grujola a sua nova sede, na freguesia de Nossa Senhora do Rosário, mais precisamente na Rua do Vigário, na Lagoa.

A Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, Cristina Calisto, acompanhada pelo Vice-presidente, Frederico Sousa e pelos vereadores Nelson Santos e Albertina Oliveira, marcou presença no ato da assinatura do contrato de comodato, que regula a cedência deste espaço à associação lagoense, presidida por Ermelinda Medeiros, após a realização das obras de beneficiação do edifício. A cerimónia contou com a bênção do Pe. Rui Silva, novo pároco da freguesia de N. Sra. do Rosário e Ouvidor da Lagoa.

Para Cristina Calisto, “a reabertura deste edifício confere à Câmara Municipal a oportunidade de trazer a sociedade para dentro de um edifício que foi construído para ter vida social”, afirmou a autarca, relembrando que este estabelecimento estava fechado e sem atividade, há vários anos.

A edil ainda agradeceu ao Grujola, a segunda instituição mais antiga da Lagoa, por aceitar o desafio lançado pela Câmara Municipal de Lagoa, “acolhendo a proposta de nova sede com carinho, apesar de deixar um espaço cheio de memórias, acontecimentos e histórias”.

Com a ocupação deste espaço por parte do Grujola, a Autarquia também quer reaver o edifício do antigo matadouro da Lagoa, que será, igualmente, agora alvo de recuperação.

As obras da nova sede consistiram em pequenas beneficiações, como uma pintura geral do edifício, mas igualmente, a reorganização e remodelação da cozinha, foram criadas arrecadações para a associação poder ter um espaço de arrumação, nomeadamente para os seus trajes. Por outro lado, foi colocado piso sintético e lambril para melhorar a acústica de algumas salas, sendo que os alumínios, chão, águas e saneamentos, usufruíram de uma revisão geral.

A edil agradeceu o trabalho realizado pelos colaboradores da Câmara Municipal de Lagoa, recordando que foram obras orçadas em cerca de 33 mil euros.

“Acredito que, neste novo espaço e nesta nova etapa desta associação, agora dotada de melhores condições, farão aqui e continuarão a fazer um excelente trabalho”, enalteceu a edil, felicitando toda a Direção, na pessoa da sua Presidente, Ermelinda Medeiros, mas igualmente, os restantes membros desta associação, desejando as maiores felicidades e realçando a raridade por esta ser, praticamente, constituída, pelos mesmos membros desde a sua origem.

Nesse âmbito, Cristina Calisto aproveitou a ocasião para informar que irá reunir todas as associações do concelho, por forma a que, em conjunto, debatam e elenquem as dificuldades do associativismo na atualidade.

“A Lagoa conta com mais de 50 associações, sejam elas recreativas, culturais, sociais ou desportivas, penso que este assunto merece uma reflexão da nossa parte, para, em conjunto, tentarmos arranjar uma solução para o problema que estas instituições enfrentam, em conseguir motivar e fazer com que outras pessoas deem continuidade ao trabalho já efetuado”, elencou a autarca, afirmando que este compromisso irá realizar-se no início do próximo ano.