Foto: Hugo Frias

O Santa Clara recebeu e venceu hoje o Leixões por 2-0, em partida da 19.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol, consolidando o primeiro lugar da competição, agora com 42 pontos.

Vinicius (28 minutos) e Alisson Safira(69), de penálti, marcaram os golos do encontro, que decorreu sob condições atmosféricas adversas e num relvado pesado, devido à forte chuva que se fez sentir.

A primeira oportunidade digna de registo surgiu logo no primeiro minuto e pertenceu aos ‘encarnados’ de Ponta Delgada, por intermédio de Vinicius, que rematou ao lado, quando estava em boa posição perante o guardião Ricardo Ribeiro.

O Leixões respondeu aos três minutos, através de um remate de fora da área de Fabinho, ao poste, na sequência de uma jogada de ‘laboratório’ após pontapé de canto.

A turma açoriana foi crescendo com o decorrer da primeira parte e, aos 24 minutos, Alisson Safira quase fez de cabeça o primeiro.

O golo acabou mesmo por aparecer aos 28 minutos, numa jogada em que Ricardinho serviu o brasileiro Vinicius, que, oportuno, aproveitou uma saída precipitada de Ricardo Ribeiro para inaugurar o marcador.

A expulsão de Wakaso com vermelho direto, aos 33 minutos, facilitou a tarefa do Santa Clara, que conseguiu daí em diante controlar a seu bel-prazer o rumo dos acontecimentos.

Depois de um período em que as duas equipas praticamente não criaram perigo junto das balizas, eis que resultado final ficou consumado em 2-0 ao minuto 69, quando Alisson Safira converteu com sucesso uma grande penalidade.

Com esta vitória, a turma açoriana termina a 19.ª jornada na primeira posição da tabela classificativa, com mais dois pontos do que o AVS, segundo classificado. O Leixões continua no antepenúltimo posto, com 17 pontos.

Jogo no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Vinicius, 28 minutos.

2-0, Alisson Safira (penálti), 69 minutos.

Equipas:

– Santa Clara: Gabriel Batista, Sema Velázquez, Pedro Pacheco, Paulo Henrique, Lucas Soares, Pedro Ferreira (Gabriel Silva, 78), Klismahn (Yannick Semedo, 59), MT, Ricardinho (Ageu, 78), Vinicius (Rafael Martins, 73) e Safira (Bruno Almeida, 78).

(Suplentes: Marcos Díaz, Calila, Andrézinho, Ageu, Bruno Almeida, Yannick Semedo, Gabriel Silva, Kauan, Rafael Martins).

Treinador: Vasco Matos.

– Leixões: Ricardo Ribeiro, Léo Bolgado, Danrlei, Rafael Vieira (Zag, 40), João Amorim (Oliveira, 85), Wakaso, Fabinho, Simão, Paulité (Moshood, 74), Moisés Conceição (Rafa Freitas, 46) e Adriano Amorim (Agostinho, 74).

(Suplentes: Igor Stefanovic, Rafa, Zag, Moshood, Avto, Oliveira, Renato Soares, Ricardo Teixeira, Agostinho).

Treinador: Carlos Fangueiro.

Árbitro: André Narciso (AF Setúbal).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Danrlei (31), Klismahn (39), Rafa Freitas (61), Pedro Ferreira (64). Cartão vermelho direto para Wakaso (33).

Assistência: 1.069 espetadores.