O Cardiologista Dinis Martins, Carlos (Cortes bastonário da OM) e Carlos Ponte (Conselho Médico da Região Autónoma dos Açores)

A Ordem dos Médicos distinguiu, com a atribuição da Medalha de Mérito, dezoito médicos de todo o país, pela sua dedicação à profissão e pela carreira digna de reconhecimento.

Foi no 26.º Congresso Nacional da Ordem dos Médicos, que decorreu a 23, 24 e 25 de novembro, em Gaia, distrito do Porto, associado ao seu 85º aniversário.

Por proposta do Conselho Médico da Região Autónoma dos Açores, foi indicado o médico cardiologista Dinis Martins, Assistente Graduado Sénior e Diretor de Serviço de Cardiologia do HDES-EPER, para atribuição de tão honrosa distinção.

“É com enorme orgulho que o Conselho Médico da Região Autónoma dos Açores da Ordem dos Médicos, felicita o médico açoriano, Dr. Dinis Martins, pelo reconhecimento e homenagem nacional ao notável percurso profissional, de 40 anos, dedicado à Especialidade de Cardiologia e com a implementação no Serviço Regional de Saúde, das mais inovadoras tecnologias e recursos humanos, em prol da melhoria da Saúde e qualidade de vida dos açorianos”.

Nota Biográfica

Dinis Manuel Pacheco Martins, nasceu a 25 de outubro de 1957 na Lagoa, São Miguel, Açores.

Fez o ensino secundário no Liceu Antero de Quental e licenciou-se em Medicina em 1984, na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.

Concluiu o Internato Complementar de Cardiologia em 1991, no Hospital de Santa Cruz e ingressou dois anos depois no Serviço de Cardiologia do HDES de Ponta Delgada.

É titular da Subespecialidade de Eletrofisiologia Cardíaca e de Cardiologia de Intervenção, atribuídos pelo Colégio de Especialidade de Cardiologia da Ordem dos Médicos.

Atualmente desempenha as funções de Director do Serviço de Cardiologia do HDES-EPER.