Foi inaugurada, ontem, a Feira de Artesanato, Comércio e Serviços, no Auditório Ferreira da Silva, na vila de Água de Pau, uma organização conjunta da Paróquia de Nossa Senhora dos Anjos, do Núcleo de Empresários de Lagoa (Nelag) e da Câmara Municipal de Lagoa. O certame estará aberto ao público até ao dia 14 de agosto.

A Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, Cristina Calisto, marcou presença na inauguração da exposição e referiu que “esta é uma iniciativa muito importante, não só enquanto mostra do tecido empresarial, mas também como novo evento integrado nas maiores festas religiosas do concelho. É um novo atrativo e uma experiência pioneira que pode representar o início de algo que pode ganhar dimensão futura”.

Nesta 1.ª edição, o evento conta com 20 stands no total, sendo que sete deles são artesãos locais e os restantes de empresas, na sua maioria da vila de Água de Pau.

Durante estes dias, o Auditório Ferreira da Silva acolhe, também, uma exposição intitulada “Memórias do Tempo”, uma coleção particular de Álvaro Vitorino, que convida a viajar no tempo, trazendo a todos velhas memórias de hábitos e utensílios que não se dispensavam antigamente e que demonstram que tantos aspetos da vida do quotidiano mudaram num curto espaço de 50 anos.

A Feira de Artesanato, Comércio e Serviços pode ser visitada entre as 17 horas e as 22 horas este fim de semana. E, no dia 14 de agosto, abrirá entre as 19 e as 22 horas.

De lembrar que, as Festas em Honra de Nossa Senhora dos Anjos, decorrem até ao dia 17 de agosto, tendo como ponto alto o dia 15 com a procissão religiosa que percorrerá as principais artérias de vila de Água de Pau. No dia 13, pelas 17h00, terá lugar o XIV Cortejo Etnográfico com o tema “As Riquezas da Nossa Terra”.