Vírus já matou mais de 506 mil pessoas e infetou 10,3 milhões no mundo

A pandemia de covid-19 já matou 506.818 pessoas e infetou 10,3 milhões em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP, às 19:00 TMG de hoje, baseado em dados oficiais.

De acordo com a agência noticiosa francesa, às 19:00 TMG (20:00 de Lisboa) de hoje, 10.372.230 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados em 196 países e territórios desde o início da epidemia, em finais de dezembro passado, na cidade chinesa de Wuhan, dos quais pelo menos 5.207.900 agora são considerados curados.

Contudo, a AFP avisa que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do total real de infeções, já que alguns países estão a testar apenas casos graves com internamento, outros usam o teste como uma prioridade para rastreamento e muitos estados pobres têm apenas capacidade limitada de rastreamento.