“Vai ser um jogo muito equilibrado, entre duas equipas muito semelhantes na sua organização. Duas equipas que na época anterior foram apelidadas de sensação e que não é surpresa para ninguém continuarem a serem competentes esta época”, afirmou João Henriques, na antevisão ao encontro que será disputado no Estádio de São Miguel.

O treinador dos açorianos classificou o adversário como uma “equipa organizada” e “consistente”, que “manteve o perfil” da época transata apesar da mudança de treinador.

“O Moreirense iniciou bem a época, é uma equipa organizada, que sofre poucos golos e é consistente. Apesar de algumas alterações, mesmo na equipa técnica, manteve o seu perfil e está a somar pontos, o que dá confiança à equipa”, apontou, prevendo que o jogo seja resolvido no “detalhe”.

O técnico dos insulares espera que o jogo seja o “ponto de viragem” no desfecho dos jogos caseiros, uma vez que nas partidas anteriores (derrota por 2-0 frente ao Famalicão e empate a zero frente ao Belenenses) o Santa Clara não marcou qualquer golo.

“Com naturalidade, a bola vai começar a entrar, e nós vamos fazer mais golos do que fizemos, até porque não fizemos nenhum em casa. Se estamos a trabalhar bem, se temos confiança no trabalho e nos jogadores, naturalmente os golos vão aparecer. Estamos confiantes que este jogo será o ponto de viragem para fazermos do Estádio de São Miguel uma fortaleza”, afirmou.

Após o jogo frente ao Moreirense, o Santa Clara vai entrar num ciclo de três jogos no espaço de uma semana (FC Porto, por duas vezes, e Gil Vicente), o que, segundo o treinador, “faz parte do crescimento da equipa”.

“A equipa sente-se confiante para a abordagem aos próximos jogos. Será um ciclo difícil, com muitos jogos em poucos dias, mas fomo-nos preparando para isso. Faz parte do crescimento da equipa. Na época anterior, sentimos que, sendo o primeiro ano na I Liga, o foco tinha se de ser exclusivo na I Liga e na manutenção. Esta temporada, preparámos o plantel para ter mais soluções e para estarmos em todas as competições ao mesmo tempo”, assinalou João Henriques, revelando que “naturalmente vai haver rotação” na equipa nos próximos encontros.

O Santa Clara, 10.º classificado, com cinco pontos, recebe o Moreirense, sétimo, com sete, no domingo, pelas 15:00 locais (16:00 em Lisboa).