O anúncio foi feito no decorrer de um protesto de enfermeiros à porta do Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

A requisição civil foi decretada em quatro hospitais – Centro Hospitalar e Universitário de S. João, no Centro Hospitalar e Universitário do Porto, no Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga e no Centro Hospitalar de Tondela-Viseu – por incumprimento dos serviços mínimos definido pelo Tribunal Arbitral.