SDEA acompanha concretização do projeto do novo hotel na Vista do Rei

A Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores (SDEA), que desde o início tem vindo a trabalhar para encontrar uma solução para o atual Monte Palace, manifesta-se confiante e satisfeita com a formalização de mais uma etapa com vista à concretização do novo hotel junto ao miradouro da Vista do Rei, nas Sete Cidades.

A este propósito, Vítor Fraga, Presidente do Conselho de Administração da SDEA, afirmou que “estamos confiantes e muito entusiasmados com a entrega, hoje, na Câmara Municipal de Ponta Delgada, do Pedido de Informação Prévia do projeto do novo hotel, isto significa que foi dado mais um importante passo no sentido de recuperar, revitalizar e devolver, a uma das sete maravilhas naturais de Portugal, um equipamento que em muito irá contribuir para a qualificação e valorização da oferta turística da Região”.

De acordo com o promotor do projeto, a Level Constellation, está previsto uma unidade de referência, de 5 estrelas, que “deverá marcar o panorama da hotelaria regional, apresentando valências únicas que a empresa espera vir a revelar ainda em 2018”.

Para o Presidente do Conselho de Administração da SDEA “A captação de investimento para a Região e o respetivo acompanhamento dos promotores assumem-se como uma prioridade. A SDEA tem acompanhado, e vai continuar a acompanhar, com muito interesse e proximidade, os desenvolvimentos concretos deste processo, expressando o desejo de que, de forma diligente e objetiva, todos os procedimentos possam ser finalizados em prazo considerado aceitável, tendo em conta a importância do empreendimento”.

O Governo dos Açores, através da SDEA, apoia e incentiva a dinâmica de investimento privado e a criação de emprego na Região, através do sistema de incentivos em vigor e da classificação de Projetos de Interesse Regional (PIR), que majoram ainda mais os apoios previstos.

O novo hotel dá continuidade ao trabalho desenvolvido pelo Governo dos Açores no sentido de promover o aumento da base económica de exportação, a criação de riqueza e de oportunidades para mais e melhor emprego.