Santa Clara expressa pesar pela morte de antigo jogador António Barata

O Santa Clara manifestou “profundo pesar” pelo falecimento de António Barata, um dos “grandes centrais da história” do clube, que jogou nos anos 80 e que faleceu hoje, aos 61 anos de idade.

Em comunicado, o emblema açoriano lembra que Barata alinhou durante oito épocas nos ‘encarnados’ de Ponta Delgada, tornando-se uma “das figuras mais queridas” dos adeptos e ficando para a história como um dos “grandes centrais” do Santa Clara.

“Uma figura icónica do nosso futebol, tendo inclusive dirigido outros emblemas micaelenses após terminar a carreira no Santa Clara em 1993/94. Endereçamos à família e amigos enlutados o nosso mais profundo pesar, mantendo na memória uma das figuras de relevo da história do Santa Clara e futebol açoriano”, lê-se no comunicado.

Nos momentos precedentes ao Santa Clara–Arouca, da terceira jornada da I Liga de futebol, marcado para sábado, no estádio de São Miguel, vai ser respeitado um minuto de silêncio em homenagem a António Barata.

Pub