Rui Moniz com projeto a 8 anos para o GDC

A candidatura à direção do Grupo Desportivo Comercial, encabeçada por Rui Moniz, deu hoje a conhecer a composição da sua lista, que irá a votos na próxima quarta-feria dia 17 de julho.

Reunindo pessoas desde a área da gestão empresarial a pessoas já com vasta experiência dentro do associativismo e no desporto automóvel em particular, a lista apresenta-se com um programa ambicioso e para ser realizado nos próximos oito anos, conforme mencionado várias vezes por Rui Moniz, durante a cerimónia de apresentação pública, que decorreu numa unidade hoteleira da cidade de Ponta Delgada.

A lista hoje divulgada, para os vários órgãos sociais do clube,  ficou composta da seguinte forma:

 

Assembleia Geral

Presidente                         Mário Riley

1º Secretário                     Luís Borges

2º Secretário                     Victor Borges da Ponte

 

Conselho Fiscal

Presidente                         Camilo Moniz

1º Vogal                               Marco Cabral

2º Vogal                               Jacinto Raposo

Suplente                             Eduardo Almeida

 

Direção               

Presidente                         Rui Moniz

Vice- Presidente             Filipe Frias

1º Secretário                     Diogo Lima

2º Secretário                     Pedro Machado

Tesoureiro                         João Félix

1º Vogal                              Virgílio Paz Ferreira

2º Vogal                              Rui Guedes

1º Suplente                       Rui Anjos

2º Suplente                       Júlio Carvalho

3º Suplente                       Pedro Martins

 

O programa acenta dez objetivos, que deverão ser concretizados num período de oito anos, como referido anteriormente,  apesar do mandato ser de dois, sendo por isso espectável que a lista que agora se apresenta ao sufrágio eleitoral de dia 17, seja recandidata em 2021.

Os 10 objetivos do programa:

  • Garantir a manutenção do Rali dos Açores no Campeonato da Europa (ERC) ;
  • Equilibrar a situação financeira e recuperar a credibilidade do GDC;
  • Promover a alteração dos estatutos;
  • Apoiar os associados nas participações desportivas;
  • Criar secções ligadas ao desporto automóvel;
  • Promover e apoiar o aparecimento de novos valores;
  • Angariar sócios;
  • Restaurar a vida associativa;
  • Estabelecer protocolos de colaboração e comerciais;
  • Posicionar o GDC como entidade de referência no meio automóvel em S. Miguel.

Rui Moniz, que após a apresentação das linhas orientadoras para o mandato que se candidata, apelou a todos os sócios para que no próximo dia 17 vão votar em massa, que apareçam na próxima quarta-feira na sede do Grupo Desportvo Comercial, apesar de só existir uma lista candidata.