Rio ataca desempenho de Santana enquanto PM, adversário acusa-o de ser “siamês” de Costa

O debate entre os candidatos à liderança do PSD aqueceu hoje com Rio a criticar o mandato de Santana como primeiro-ministro e o seu adversário a acusá-lo de ser “siamês” de António Costa e de atacar o partido.

O primeiro frente a frente entre Pedro Santana Lopes e Rui Rio com vista às eleições diretas de 13 de janeiro, na RTP, até começou com concordâncias entre os dois candidatos quanto às recentes alterações ao financiamento partidário, vetadas pelo Presidente da República, e que ambos disseram não ser uma prioridade.

Quando questionados sobre o que os separava, foi Rui Rio o primeiro a responder, dizendo que não se esperam “clivagens brutais” entre duas pessoas do mesmo partido.

Notícias relacionadas