Depois de três derrotas, a equipa açoriana chega finalmente à vitória e iguala em pontos a formação húngara (cinco), ainda que com pior diferença de pontos marcados e sofridos. Na frente seguem duas equipas espanholas, o Uni Girona, em primeiro, com oito, e o Gernika Bizkaia, com cinco.

Ao intervalo, o equilíbrio era bem patente no resultado de 38-37 (21-19 e 17-18 nos dois primeiros quartos). Foram determinantes os minutos finais das lusas, registando-se ‘parciais’ de 13-12 e 15-12 na segunda metade.

Raphaella Monteiro, com 17 pontos, e Joana Soeiro, com 14 e ainda oito assistências, foram as jogadoras mais em destaque na formação portuguesa.