PPM entra na corrida para travar “revolução bolchevique” em Portugal

A missão do Partido Popular Monárquico (PPM) nas eleições legislativas é alertar para “a revolução bolchevique” que está em curso em Portugal, país que corre o risco de se transformar numa Venezuela, segundo o presidente do partido.

Em entrevista à agência Lusa, Gonçalo da Câmara Pereira disse não ter dúvidas de que o país se encontra numa “encruzilhada”.

“Estamos a levar um caminho em direção a uma Venezuela, e é esse o sentido com que estamos nestas eleições, de chamar a atenção para isso”, afirmou.