Pub

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou hoje que os Postos de Atendimento Agrícola em funcionamento no arquipélago são fundamentais para a política de proximidade que o Governo dos Açores tem promovido junto dos agricultores.

“No fundo, é um serviço que vem facilitar a vida aos agricultores. Eles são os próprios a reconhecer isso”, afirmou João Ponte, na inauguração do primeiro Posto de Atendimento Agrícola na freguesia dos Ginetes, em São Miguel.

O posto vai funcionar numa sala do edifício da Cooperativa Agro Ginetes, dois dias por semana, servindo 290 explorações localizadas nos Ginetes e nas freguesias limítrofes, com 7.000 animais registados.

“Este é o 43.º Posto de Atendimento Agrícola na Região. Só no último ano abrimos três postos nas ilhas de São Miguel e Terceira”, salientou João Ponte, acrescentando que, desta forma, o Governo Regional dá resposta às solicitações das cooperativas e das Juntas de Freguesia.

O Secretário Regional salientou que os agricultores dos Ginetes e das freguesias limítrofes deixam de ter de percorrer vários quilómetros para se deslocarem a Ponta Delgada para tratar de assuntos administrativos.

Nos Posto de Atendimento Agrícola é possível receber apoio técnico para a realização de tarefas administrativas a que os produtores estão legalmente obrigados, como os registos de movimento (compra, venda, abate, nascimento e óbito de animais) e a emissão de guias de transporte.

Além disso, podem ser efetuadas candidaturas, por exemplo, ao Programa de Apoio à Modernização Agrícola e Florestal (PROAMAF), criar a identificação do beneficiário, atualizar parcelares e emitir passaportes para os animais.

Presentemente, os Açores têm Postos de Atendimento Agrícola localizados em sedes de cooperativas, Juntas de Freguesia e nos Serviços de Desenvolvimento Agrário de ilha.

Para João Ponte, é justo reconhecer o papel ativo e de parceria que tem existido entre o Executivo, o Poder Local, bem como as associações e cooperativas agrícolas, algo que muito tem contribuído para a dinamização e fortalecimento do setor agrícola na Região.

Pub