Ponta Delgada e Belmonte assinam protocolo de cooperação cultural

Os municípios de Ponta Delgada e de Belmonte assinaram, esta manhã, um protocolo de cooperação e desenvolvimento cultural.

O Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, na ocasião, afirmou “que há uma relação muito forte entre Ponta Delgada e Belmonte que importa aprofundar, esclarecer e divulgar”.

“Queremo-nos constituir para sermos destinos de procura do ponto de vista turístico para a contemplação e fruição da natureza, mas também como roteiro de cultura e de descoberta identitária”, sustentou José Manuel Bolieiro.

O edil, que falava no Salão Nobre da Câmara Municipal de Belmonte, presidida por António Pinto Dias Rocha, salientou as referências identitárias que hoje enaltecem ambos os municípios, como a inclusão no roteiro mundial do legado hebraico e a futura geminação.

“Se a geminação é referência e evidência do que de comum temos, faz todo o sentido esta relação”, concluiu, dizendo “sim” ao repto de geminação lançado pelo Presidente de Belmonte.

O protocolo assinado hoje por José Manuel Bolieiro e António Pinto Dias Rocha visa incentivar o desenvolvimento da cooperação cultural hebraica entre o Museu Judaico de Belmonte e o Museu Hebraico Sahar Hassamain (Portas do Céu) – antiga Sinagoga de Ponta Delgada, através da promoção do intercâmbio de pesquisas e experiências históricas relacionadas com a cultura hebraica no desenvolvimento de projetos em parceria, da organização de eventos públicos conjuntos de influência hebraica, do desenvolvimento de atividades formativas e informativas com agentes culturais e turísticos, no âmbito da atividade própria das instituições cooperantes, e da compilação e permuta de informação bibliográfica e científica, publicações históricas e outros materiais didáticos, de interesse comum.

O Presidente de Ponta Delgada, José Manuel Bolieiro, está em Belmonte a participar,  como Convidado de Honra, no XXXI Colóquio Internacional de Lusofonia.

 

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial