Pub

O presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, Alexandre Gaudêncio, marcou presença na cerimónia de apresentação do projeto do primeiro planetário fixo dos Açores, que decorreu, esta manhã, nas instalações do OASA – Observatório Astronómico de Santana, em Rabo de Peixe, e que contou com a presença do Diretor Regional da Ciência, Flávio Tiago, e o Diretor Geral da Cooperativa A Ponte Norte, João Dâmaso Moniz.

Na ocasião, o edil congratulou a iniciativa, a qual será desenvolvida num espaço que é gerido pela Cooperativa A Ponte Norte, através de protocolos de cooperação financeira com o Governo Regional.

“O primeiro planetário dos Açores será instalado no nosso concelho. Será mais uma infraestrutura que irá atrair mais pessoas à Ribeira Grande, e uma forma de quebrar a sazonalidade turística”, disse Gaudêncio.

Durante a sua intervenção, o presidente da autarquia elogiou o trabalho desenvolvido pelos técnicos do OASA, salientando que os mesmos são verdadeiros embaixadores da ciência junto dos turistas que visitam o concelho, tendo inclusivamente referido “O vosso trabalho é determinante para deixarmos uma boa imagem da nossa terra. É também de realçar o vosso empenho junto dos mais novos, o qual será reforçado com esta nova infraestrutura, pois irá permitir desenvolver nos mais jovens o gosto pelas ciências, em particular pela astronomia”.

O projeto apresentado prevê a criação de uma estrutura fixa, com configuração oval, por forma a recriar um planetário, e terá a capacidade para 30 pessoas. Prevê-se que a obra esteja concluída em 2023.

Pub