Pub

O edil, que falava à margem do VII Concurso Micaelense Holstein Frísia de Outono, frisou ser “fundamental encontrar um denominador comum que satisfaça ambas as partes na pretensão que nós temos de manter sempre elevados os índices de qualidade do nosso leite, que é o melhor da Europa, mas também o mais mal pago”.

“Todos juntos temos de exercer esforços para que os Açores mantenham a qualidade da nossa produção leiteira”, apelou o Presidente do Município onde está situada a maior bacia leiteira dos Açores.

Pedro Nascimento Cabral acrescentou que esta circunstância, que preocupa os produtores de leite da região, traz novamente para cima da mesa a necessidade de ser criar uma entidade reguladora do preço do leite à produção dos Açores, garantindo, assim, transparência em toda a fileira do leite e uma repartição de margens de lucro mais justa entre produtores, indústria e distribuição.

Referindo-se ao VII Concurso Micaelense Holstein Frísia de Outono, promovido pela Associação Agrícola de São Miguel, presidida por Jorge Rita, o autarca enalteceu a iniciativa, considerando-a fundamental para a melhoria contínua da genética da Holstein Frísia e, por sua vez, para alavancar a qualidade do leite produzido na região.

O evento decorre este fim de semana no Parque de Exposição de São Miguel, em Santana, com a participação de 170 animais e 50 criadores. Em simultâneo decorre o 41.º Concurso da Expo Aves 2021.

Pub