O jovem piloto de Famalicão Pedro Almeida vai estar no Azores Rallye

Pedro Almeida está preparado para o desafio do Azores Rallye, segunda prova do Campeonato de Portugal de Ralis (CPR) e prova de arranque do ERC – Campeonato da Europa, onde o piloto está também inscrito, nas categorias ERC 1 e ERC Junior.

“Foi nos Açores que fizemos em 2018 a estreia ao volante de um carro R5 e por isso a prova em S.Miguel é-nos especial. Passado um ano percebemos que evoluímos bastante e temos a expectativa de melhorar a nossa performance nesta edição de 2019”.

Nos Açores Pedro Almeida vai ter como navegador Nuno Almeida, prova em que também está inscrito no ERC e ERC Junior. “É a primeira prova destes dois campeonatos e queremos deixar em aberto outras possibilidades de participação no europeu, que é um campeonato competitivo e nos pode trazer aprendizagem importante para o futuro” disse o piloto, realçando no entanto que o primeiro foco é o CPR. “Em Fafe somamos pontos e fizemos um rali muito regular, uma prestação que queremos repetir e se possível melhorar, porque é no CPR que está o nosso foco”.

O piloto de Famalicão acrescentou ainda a satisfação pelo comportamento do Skoda Fabia R5 em pisos de terra. “Deu-nos bons indicadores, que queremos explorar agora nos Açores. As especiais são mais longas, o que nos vai permitir tomar melhor conhecimento de algumas das características do Skoda Fabia R5, que tem sido exemplarmente preparado pela ARC”.

Pedro Almeida vai nos Açores visitar o Lar Mãe de Deus, Instituição de Solidariedade Social que presta apoio a crianças e jovens em risco, uma ação patrocinada pelos parceiros do projeto de responsabilidade social que o piloto está a desenvolver em cada uma das regiões onde em 2019 passa a caravana do Campeonato de Portugal de Ralis.