Pub

O prémio Nobel da Paz foi hoje atribuído ao médico congolês Denis Mukwege e à ativista de direitos humanos Nadia Murad, informou o Comité Nobel norueguês.

O Comité justificou a decisão com os esforços dos dois laureados para acabar com a violência sexual como arma nos conflitos e guerras de todo o mundo.

No ano passado, o prémio foi hoje à Campanha Internacional para a Abolição das Armas Nucleares (ICAN, em inglês), pelotrabalho feito para a eliminação de armamento nuclear no mundo.

Pub