Museu Casa do Arcano passa a dispor de informação em braille

O museu Casa do Arcano continua a trabalhar no sentido de melhor servir todos aqueles que o visitam e, nesse sentido, acolheu e implementou a prova de aptidão profissional de Mariana Teves, denominada “Ver com outros olhos” e cujo objetivo principal é fazer chegar a vida e obra da madre Margarida do Apocalipse aos invisuais.

“Ver com outros olhos” é um projeto desenvolvido por Mariana Teves na Casa do Arcano com o intuito de ajudar os invisuais que visitam o museu a percorrê-lo com acesso a toda a informação que nele consta.

O museu, que já era adaptado com várias infraestruturas inclusivas, conta agora com panfletos em português e inglês braille, um áudio guia com todas as indicações de mobilidade, informação da história do museu e diretórios transcritos em braille que permitem aos invisuais chegar a todos as salas de exposições de forma autónoma.

O presidente da Câmara da Ribeira Grande e o vereador da Cultura, Alexandre Gaudêncio e Filipe Jorge, respetivamente, assistiram à apresentação de Mariana Teves e congratularam a jovem estudante pelo trabalho desenvolvido.