Motoristas: São Bento substitui Pardal Henriques e admite retirar pré-aviso de greve

O presidente do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), Francisco São Bento, vai substituir Pardal Henriques como porta-voz e admitiu hoje poder retirar o pré-aviso de greve se houver consenso nas reuniões com a Antram.

O anúncio novo porta-voz do SNMMP foi hoje feito em Aveiras de Cima pelo próprio Francisco São Bento, na sequência do abandono do cargo por parte de Pedro Pardal Henriques para integrar as listas do PDR às eleições legislativas de 06 de outubro.

Para já, o sindicato “mantém todos os pressupostos e o pré-aviso de greve”, mas, afirmou o presidente, “se houver vontade da Antram e se chegar a um consenso até ao dia 07, o pré-aviso pode ser retirado”.

Os motoristas de matérias perigosas vão voltar à greve entre os dias 07 e 22 de setembro, mas desta vez só aos fins de semana e trabalho extraordinário, anunciou o sindicato na quarta-feira.

A greve dos motoristas de matérias perigosas, que levou o Governo a adotar medidas excecionais para assegurar o abastecimento de combustível, terminou no domingo, ao fim de sete dias de protesto, depois de o SNMMP, que se mantinha isolado na paralisação desde quinta-feira à noite, a ter desconvocado.

O Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias desvinculou-se da greve ao quarto dia, na quinta-feira à noite, e vai regressar às negociações com o patronato em 12 de setembro.