Pub

AÇORES 9 TV EM DIRETO

O Presidente da República considerou hoje que, genericamente, Portugal continua a poder ser visto e vivido como “uma sociedade segura”, escusando-se a comentar o caso concreto da mulher morta durante uma perseguição policial.

No final de uma visita de cerca de duas horas ao Bazar Diplomático, em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa foi questionado sobre o incidente de quarta-feira que culminou com a morte de uma mulher atingida por disparos efetuados pela PSP, durante uma perseguição policial em Lisboa.

“Eu não vou comentar casos concretos. O que eu quero dizer é que, em termos globais, podemos dizer que a sociedade portuguesa é uma sociedade segura”, afirmou, acrescentando que, tal como o Governo e as autoridades, tem acompanhado este acontecimento.

Pub