Pub

A Procuradoria-Geral da República confirmou hoje a detenção de cinco pessoas e a constituição de outros seis arguidos, entre eles “dois juízes desembargadores e um dirigente desportivo”, no âmbito da chamada operação “Lex”.

“Entre os detidos estão dois advogados e um oficial de justiça, que serão presentes ao Conselheiro do STJ (Supremo Tribunal de Justiça) com funções de juiz de instrução para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação”, refere um comunicado divulgado pela procuradoria.

O comunicado esclarece que entre as seis pessoas constituídas arguidas estão dois juízes desembargadores e um dirigente desportivo, sem citar nomes.

Pub