Laureano Almeida Lança o livro “Ao Som do Búzio” a 16 de Fevereiro em Ponta Delgada

Será lançado no dia 16 de fevereiro às 16:00 h, o primeiro livro de poemas da autoria de Laureano Almeida, Ao Som do Búzio, no Auditório da Biblioteca Pública e Arquivo Regional de Ponta Delgada. A obra, editada pela Letras
Lavadas, será apresentada por José Santos Narciso, também autor do prefácio do livro.

O lançamento contará com declamação de alguns dos poemas que constam do livro, por Leonor Albergaria; música tradicional açoriana pelo Grupo Coral Vozes ao Entardecer, da Academia Sénior da Universidade dos Açores, sob
batuta da maestrina Rita Andrade; e atuação do grupo musical Projecto Alba, constituído por Alfredo Almeida, Bruno Almeida e Luís Coelho.

O evento irá ainda dispor de intérprete de Língua Gestual Portuguesa, Cátia Melo.

Segundo Santos Narciso, «Laureano Almeida traduz em poemas de notável profundidade e riqueza espiritual, diversos momentos das vivências anuais das gentes açorianas», como os Romeiros, as festas de Nossa Senhora da Estrela e a do Santíssimo Salvador do Mundo, por entre as suas memórias de infância e poemas de “amor” à sua terra-natal.

Ao Som do Búzio está dividido em várias secções como Açores Terra Minha, Meu Berço, Romeiros, Caldeiras, À Senhora da Estrela, Tempo e Saudade, Maio, Da Vida e do Mundo, Homessa!, Mística, Como Asa e Natal.

Laureano Almeida nasceu em 1937, na freguesia da Ribeirinha (Ribeira Grande). Profissionalmente, esteve vinculado à aviação, desde o aeródromo de Santana e dos primórdios da SATA.

Apesar da sua ligação ao mundo da aviação, desde sempre cultivou o interesse pelas letras e pela cultura, participando em diversas atividades de cariz sociocultural ao longo da vida.

Partilhar