Pub

O IPMA já tinha colocado esta manhã as nove ilhas dos Açores sob aviso amarelo, até às 17:00 locais de hoje (18:00 em Lisboa), devido às previsões de precipitação por vezes forte, podendo ser acompanhada por trovoada.

Numa atualização divulgada ao início da tarde de hoje, o IPMA alarga até às 20:00 locais de hoje (21:00 em Lisboa) o aviso amarelo para o grupo Ocidental (Flores e Corvo), por causa da chuva que poderá ser forte e trovoada.

Para aquelas duas ilhas foi também emitido aviso amarelo entre as 17:00 locais de hoje (18:00 em Lisboa) e as 11:00 locais de quinta-feira (12:00 em Lisboa) devido ao vento.

No grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria) e no grupo Central (Terceira, Pico, São Jorge, Graciosa e Faial) o aviso amarelo, devido à precipitação por vezes forte, podendo ser acompanhada por trovoada, continua ativo até às 17:00 locais de hoje.

Pub

O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Na terça-feira, o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informou que, na sequência da chuva intensa que se fez sentir no arquipélago, foram registadas um total de 42 ocorrências, das quais 41 nas ilhas de São Miguel e uma na de São Jorge, obrigando ao realojamento de quatro pessoas.

“Das 42 ocorrências, 41 tiveram lugar na ilha de São Miguel, nomeadamente, 20 no concelho do Nordeste, sete na Ribeira Grande, seis na Povoação, cinco em Vila Franca do Campo, duas na Lagoa e uma em Ponta Delgada. Em São Jorge, na Calheta, foi registada uma ocorrência”, segundo a Proteção Civil.

As ocorrências reportadas correspondem “a inundações e obstruções em vias, derrocadas e inundações em habitações, não havendo danos pessoais a registar”, acrescenta a nota divulgada.

Na Ribeira Grande, houve necessidade de se proceder ao realojamento de quatro pessoas, na sequência de as suas habitações terem ficado inundadas devido ao transbordo de uma ribeira.

Pub