PUB

Decorreu hoje a 11ª jornada do Campeonato Nacional da 3.ª divisão Zona Sul B em Hóquei Patins, que pôs frente a frente o Hóquei Clube PDL e CD Paço Arcos “B”, jogo este realizado no pavilhão Sidónio Serpa em Ponta Delgada.

O Hóquei Clube de Ponta Delgada entrou para esta jornada não conhecendo o sabor da derrota desde 15 de outubro, com o GD Criar-T, um dos candidatos ao título e atual líder da classificação.

O HC Ponta Delgada entrou para este jogo e todos os que se realizam em Ponta Delgada, com o objetivo da vitória. O Paço Arcos, clube com boa formação, veio a esta ilha para pontuar, apostando na velocidade dos seus atletas.

PUB

O marcador só foi inaugurado aos 11:40 por David Fonseca do Paço Arcos, após muitas insistências na circulação de bola e nas transições que foram sempre com muito perigo. O HC PDL teve a oportunidade de empatar, na marcação de uma penalidade falhada, por Nelson Calisto, que resultou de uma “carga” dentro da área.

Terminou a 1ª parte com 1 – 0 favorável ao Paço Arcos.

O HC PDL entrou para este segundo tempo, com o objetivo de dar a volta ao resultado, fazendo boas transições e procurando o golo que não acontecia, pois a diferença no marcador era mínima.

Aos 21:32 nova penalidade não concretizada por Carlos Guimarães do HC Ponta Delgada, mas desta vez defendida por José Caldeira, que neste jogo esteve em bom nível dando confiança aos demais colegas.

E foi aos 16:23 que o Paço Arcos aumentou o marcador para 2 – 0 por intermédio de Guilherme Monteiro.

O HC Ponta Delgada perde de novo a oportunidade de reduzir o marcador, desta vez de livre direto, executado por Tiago Leite aos 15:56, mas mais uma vez defendido por José Caldeira.

E foi nos dois minutos finais que o Paço Arcos aumentou o marcador para 3 – 0 por intermédio de Guilherme Monteiro com assistência do colega Carlos Vão. O mister Diogo Alves e depois do resultado já estar consolidado, deu minutos de jogo ao seu GR Miguel Pereira, que durante o tempo que permaneceu em pista não comprometeu o resultado do jogo de 3 – 0 com que terminou.

O HC Ponta Delgada, neste jogo só se pode queixar de si, pois só precisava de concretizar em golos as bolas paradas, que no hóquei são cruciais para se vencer um jogo.

Com esta derrota os micaelenses desceram para o 8º lugar na classificação geral, resultante de 10 jogos, com 5 vitórias, 1 empate e 4 derrotas e com 38 Golos Marcados e 34Golos Sofridos.

Constituição da equipa do H. C. Ponta Delgada:

Cinco Inicial: Pedro Furtado GR, Carlos Guimarães (cap.), Tiago Leite, Nelson Calisto e Mário Jesus,

Rui Santos GR, Tiago Botelho, Francisco Freitas, Sandro Melo, Fábio Larsen.

Treinador: Herberto Resendes

Disciplina: Nelson Calisto (cartão azul) aos 14:15 da 2ª parte.

Pub