Gualter Furtado: Parabéns ao Onésimo Almeida e ao Monsenhor José Constância

Em primeiro lugar, os meus parabéns ao Onésimo de Almeida por mais este importante prémio John dos Passos atribuído ao seu livro o “ O Século dos Prodígios –  A Ciência no Portugal da Expansão “ pelos nossos irmãos ilhéus da Região Autónoma da Madeira, é caso para dizer Bravo. O Onésimo por direito próprio e dos seus leitores já tem o seu lugar certo na história dos grandes escritores de língua oficial portuguesa e diria mesmo ibérica.

Em segundo lugar,  é para dar conta das Bodas de Ouro Sacerdotais do nosso amigo Padre José Constância e que por vontade do Papa Francisco passou ontem a Monsenhor.

A Igreja de Nossa Senhora das Neves na Relva encheu-se no dia 13 de Setembro de 2019 de fiéis, gente anónima, amigos, Padres, Cónegos, o Bispo de Angra e 9 Ilhas dos Açores, e todos irmanados por um desígnio comum, o de festejar com o Padre José Constância as suas Bodas de Ouro, e como muito bem disse o seu irmão, o exemplo, a dedicação, a humildade e acrescento eu, o seu elevado nível cultural foram marcas que indentificam o Padre Constância ao longo destes 50 anos ao serviço da Igreja e dos Açores.

Ontem o Padre José Constância por vontade do Papa Francisco passou a ser Monsenhor e como é seu timbre apressou-se logo a partilhar esta distinção com os seus colegas Padres da Diocese de Angra.

As Comunidades da Relva e da Covoada estão também de Parabéns por terem tido a felicidade de poderem conviver no seu seio com o Padre Constância.

Quando em 2018, eu, o Padre Ricardo Pimentel e a Igreja das Furnas decidimos fazer uma homenagem ao nosso saudoso e marcante Padre  Poeta José Jacinto Botelho, o Padre José Constância, apoiou-nos sem reservas e marcou presença com uma importante intervenção, também por esta postura, o meu muito obrigado.