Greta Thunberg encerra Marcha pelo Clima acusando políticos de traição

A jovem ativista ambiental sueca Greta Thunberg acusou hoje, em Madrid, os políticos de traírem as pessoas, salientando que “têm de fazer o seu trabalho”.

Greta Thunberg discursava, em inglês, no encerramento da Marcha pelo Clima, que, segundo um dos organizadores, o movimento Fridays For Future, teve meio milhão de participantes. De acordo com a polícia, citada pela agência Efe, o protesto contou com apenas 15 mil pessoas.

A adolescente, de 16 anos, regressou no final à marcha, que encabeçou no início, depois de ter abandonado o protesto, por recomendação da polícia, devido à multidão que a impedia de continuar a andar.