Pub

O Grupo Parlamentar do PS/Açores condena as recentes declarações do Secretário Regional das Finanças, Planeamento e Administração Pública relativas ao Grupo SATA, considerando que as informações proferidas no parlamento dos Açores não correspondem à verdade.

Ao contrário do que foi afirmado em Plenário, pelo Secretário Regional Bastos e Silva, a Comissão Europeia garantiu hoje, segundo a Agência LUSA, não ter tomado nenhuma decisão, não ter prazo para a tomar, nem conseguir prever que resultado terá a investigação aos aumentos de capital do Grupo SATA.

O Grupo Parlamentar do PS repudia e condena a irresponsabilidade e o aproveitamento político-partidário que o secretário regional das Finanças, desastradamente tentou fazer desta situação, com o único objetivo de tentar acusar a governação do Partido Socialista.

“Num assunto de tamanha importância para a Região Autónoma dos Açores, não é admissível tamanha ligeireza, má-fé e aproveitamento. O que resta saber agora, quais os prejuízos, que danos reputacionais, a brincadeira atrevida do Senhor Secretário traz para a SATA e para os seus trabalhadores, para os Açores e para os Açorianos. Se há altura em que o senhor Presidente do Governo precisa de pôr ordem, se conseguir, no Governo, é esta”, afirmou Francisco César.

Pub

“Ou o senhor presidente do Governo corrige o senhor secretário das finanças, ou todo o discurso pretensamente institucional que tem tido, revela-se igual ao que fez o senhor secretário das finanças”, acrescentou.

Pub