PUB

O Governo dos Açores dá início na segunda-feira a uma visita oficial de dois dias à Graciosa com uma reunião com o executivo da Câmara Municipal de Santa Cruz, o único município da ilha, com cerca de 4.300 habitantes.

O executivo açoriano, liderado por José Manuel Bolieiro, vai assistir à apresentação dos projetos da variante de Santa Cruz e da Marina da Barra, bem como visita o Porto da Barra, estando programada para o final do dia a reunião do Conselho de Ilha, organismo onde estão representadas as forças vivas e políticas da Graciosa.

A noite será preenchida pela iniciativa Fórum Açoriano, que terá como orador Luís Reis, que vai abordar os “Desafios da transição energética”.

PUB

O orador é ‘senior manager’ na Axians Portugal, uma empresa do Grupo Vinci Energies, sendo licenciado em engenharia química.

Na terça-feira, segundo e último dia da visita oficial, terá lugar o Conselho do Governo e uma visita à Santa Casa da Misericórdia da Vila da Praia da Graciosa.

Segundo o Estatuto Político-Administrativo dos Açores, o Governo Regional tem de visitar cada uma das ilhas sem departamentos governamentais (seis) do arquipélago pelo menos uma vez por ano.

A ilha Graciosa, com cerca de 4.300 habitantes, é classificada pela Unesco como Reserva Mundial da Biosfera, sendo conhecida como a ‘ilha branca’, designação inspirada nas características geomorfológicas e nos elementos toponímicos.

A ilha tem um único concelho, Santa Cruz da Graciosa, constituído por quatro freguesias: Vila de Santa Cruz, Vila da Praia, Guadalupe e Luz.

Pub