O projeto relativo à empreitada de reabilitação de um troço da Estrada Regional n.º 1 – 1.ª, entre os quilómetros 45 e 46, na freguesia de Pedro Miguel, no Faial, foi apresentado esta quinta-feira, no âmbito da visita do Governo a esta ilha.

A Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas salientou que é uma empreitada que se reveste de especial importância, uma vez que se trata de “uma zona de grande circulação, sobretudo para aqueles que residem na costa norte” da ilha, adiantando que “esta intervenção permite garantir melhores condições de segurança na circulação”.

Ana Cunha, que falava na apresentação do projeto, frisou que, “na sequência de um estudo geológico e geotécnico realizado pelo Laboratório Regional de Engenharia Civil, no âmbito deste processo e de preparação desta empreitada, foi detetado que este setor da estrada estava num estado que requeria uma intervenção, em parte porque está assente sobre um aterro não consolidado”.

“A intervenção que vai ser feita é uma intervenção profunda, que implica a construção de uma nova estrutura de pavimento e que contempla ainda a execução de passeios em betão, sistema de drenagem, valetas de superfície, incluindo, naturalmente, como sempre, a sinalização rodoviária horizontal em toda a extensão da zona que será intervencionada”, adiantou a titular da pasta das Obras Públicas.

A empreitada representa um investimento de cerca de 400 mil euros, tendo um prazo de execução de 120 dias.

Ana Cunha afirmou ainda que, com esta intervenção, “o Governo dos Açores continua a trabalhar ao nível da rentabilização dos seus recursos e na qualificação das suas infraestruturas, neste caso, o troço designado por reta de Pedro Miguel”.

No âmbito da visita do Executivo ao Faial, Ana Cunha visitou ainda o Largo da Engenharia, na freguesia da Feteira, onde a Delegação da Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas realizou uma intervenção urbanística, por administração direta, com vista ao reordenamento do trânsito, melhoramento do estacionamento e embelezamento daquele local.

“Tendo em conta o facto de esta área ser de uma ligação entre redes viárias regional e municipal, a obra foi realizada com participação também do município da Horta”, salientou.

Relativamente a arranjos urbanísticos levados a cabo por administração direta em diversas zonas das estradas regionais no Faial, Ana Cunha teve oportunidade de visitar também os trabalhos realizados na zona de acesso à área concessionada do Aeroporto da Horta.

Existindo naquele local o parque de estacionamento de uma empresa de aluguer de viaturas, a Secretária Regional afirmou que foi necessário “realizar não só passeios, mas também zonas de passadeiras, por forma a permitir que os utentes da rent-a-car chegassem de forma cómoda e segura à zona da gare do aeroporto”.

“Houve também necessidade de se deslocar a zona de paragem dos transportes coletivos de passageiros, uma vez que não havia uma baia de estacionamento adjacente à estrada destinada exclusivamente para esse fim”, salientou, acrescentando que foi criada “uma baia de estacionamento paralela à estrada, que permite que o autocarro não cause transtorno à circulação rodoviária quando pára, permitindo que esta continue a fazer-se com segurança”.

Nesta intervenção “houve ainda a preocupação de embelezamento do local, que, de facto, é a zona de entrada daqueles que residem na ilha e daqueles que visitam a ilha e que chegam por via aérea”, frisou a Secretária Regional.