PUB

O concurso público para a construção da variante à Madalena, na ilha do Pico, Açores, foi hoje lançado pelo Governo Regional pelo preço base de 5,5 milhões de euros, indica o Jornal Oficial.

Na publicação, descreve-se que a construção da circular, “com cerca de 1,6 quilómetros de extensão e seis rotundas”, integra “trabalhos de terraplenagens, pavimentações, obras acessórias, drenagem, sinalização rodoviária e iluminação pública”.

Os interessados têm 45 dias para apresentar propostas e o prazo de execução do contrato da empreitada foi fixado em 540 dias (cerca de 18 meses).

PUB

De acordo com a publicação, ao valor base de 5,5 milhões de euros acresce o IVA.

Em outubro, durante uma visita à ilha do Pico, o presidente do Governo Regional (PSD/CDS-PP/PPM), José Manuel Bolieiro, apresentou o projeto da futura variante à vila da Madalena, indicando que a obra ia custar mais de seis milhões de euros.

A nova estrada a construir pela região, irá atravessar a zona alta da vila, juntando três estradas regionais e três estradas municipais e pretende afastar o trânsito do centro da localidade.

O presidente do Governo Regionaljustificou a medida com o “crescimento económico e demográfico do concelho” da Madalena, o único que aumentou de população nos Açores, de acordo com os últimos Censos.

A futura variante à vila da Madalena, financiada pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), deve ficar pronta em 2025.

Pub