PUB

A Secretária Regional da Solidariedade Social afirmou hoje, no Faial, que o Centro Intergeracional da Feteira constitui uma “importante e inovadora” resposta para esta freguesia, especialmente na área da infância e juventude.

Andreia Cardoso, que acompanhou o Presidente do Governo, Vasco Cordeiro, numa visita à obra do Centro Intergeracional da Feteira, salientou que a primeira fase, atualmente em curso, inclui os serviços públicos administrativos, de foro social e de saúde, nomeadamente a sede da Junta de Freguesia, a RIAC, a Divisão de Ação Social, um Posto de Saúde e a Casa do Povo, num investimento de cerca de meio milhão de euros.

“A segunda fase, cujos procedimentos públicos se devem iniciar em setembro, está orçada em um milhão de euros e compreende a construção de um novo edifício destinado às valências de Centro de Atividades de Tempos Livres e Centro de Convívio para Idosos, com espaço para 20 crianças e jovens e 30 idosos, respetivamente”, adiantou a Secretária Regional.

PUB

No âmbito da visita do Governo à ilha do Faial, Vasco Cordeiro e Andreia Cardoso também participaram hoje num convívio intergeracional inclusivo, promovido pela APADIF – Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha Faial, que juntou todos os utentes da instituição.

Na ocasião, a Secretária Regional destacou o apoio que será disponibilizado pelo Governo dos Açores para o projeto de ampliação daquele Centro de Dia, que permitirá aumentar a capacidade para 30 vagas.

“Este investimento, estimado em 200 mil euros, justifica-se pela procura que o Centro de Dia da Conceição tem sentido, assim como pelo reconhecimento, por parte dos Faialenses, como uma resposta de qualidade, permitindo, assim, dar continuidade à melhoria das infraestruturas que estão ao serviço da população”, afirmou.

“Este investimento resulta de uma parceria entre o Governo dos Açores e a Câmara Municipal da Horta, em que a autarquia ficou responsável pela elaboração do projeto de arquitetura e o Governo financiou os projetos de especialidade e pretende avançar, ainda este ano, com o lançamento da empreitada”, salientou Andreia Cardoso.

A APADIF desenvolve a sua intervenção nas áreas de infância e juventude, idosos e pessoas com deficiência, prestando serviço regular a 216 utentes.

“Com a inauguração do Centro de Dia dos Flamengos e a ampliação do Centro de Dia da Conceição, da APADIF, a ilha do Faial verá triplicar a sua capacidade em Centro de Dia”, referiu Andreia Cardoso.

Estes investimentos na ilha do Faial integram-se na estratégia desenvolvida pelo Governo dos Açores de alargamento e qualificação da rede de equipamentos e serviços sociais da Região, designadamente através da implementação de novas respostas sociais ou do aumento da sua capacidade.

Pub