Governo dos Açores altera regras de caça ao pombo-das-rochas em São Miguel

A Secretaria Regional da Agricultura e Florestas, através da Direção Regional dos Recursos Florestais, publicou hoje em Jornal Oficial uma portaria que altera o horário da caça ao pombo-das-rochas na ilha de São Miguel durante a época venatória 2018/2019 e aumenta de 10 para 15 as peças diárias permitidas.

Esta alteração resulta de uma proposta do Conselho Cinegético da ilha de São Miguel, que foi acolhida pela tutela, dada a sua pertinência.

Com esta alteração pretende-se evitar que a abundância excessiva desta espécie cinegética possa levar à ocorrência de prejuízos ao nível das culturas agrícolas.

A partir de terça-feira, 23 de outubro, os caçadores passam a poder iniciar a jornada de caça ao pombo-das-rochas logo a partir do nascer do sol.

O Governo dos Açores tem trabalhado em estreita colaboração com as associações agrícolas, de caçadores e ambientalistas de modo a garantir a sustentabilidade dos recursos cinegéticos, com respeito pelos princípios da conservação da natureza e do equilibro biológico.

Nos Açores existem 4.160 pessoas com carta regional de caçador.