PUB

O Governo do Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, denunciou hoje que está a enfrentar um golpe de Estado, de “um reduzido grupo de militares traidores” que estão a ser neutralizados.

“Informamos o povo da Venezuela que neste momento estamos a enfrentar e desativar um reduzido grupo de militares traidores que se posicionaram no Distribuidor Altamira (leste de Caracas), para promover um golpe de Estado contra a Constituição e a paz da República”, anunciou o ministro venezuelano de Comunicação e Informação na sua conta do Twitter.

Segundo Jorge Rodríguez “a esta tentativa” de golpe “uniu-se a ultradireita golpista e assassina, que anunciou a sua agenda violenta desde há meses”.

PUB
Pub