Formação para cuidadores formais será estendida este ano a todas as ilhas dos Açores

A Secretária Regional da Solidariedade Social afirmou hoje, em Ponta Delgada, que as formações destinadas a cuidadores formais, tendo em vista promover a aquisição ou atualização de competências no atendimento e cuidados prestados à pessoa idosa e à pessoa dependente, serão estendidas este ano a todas as ilhas dos Açores.

Andreia Cardoso, que falava na cerimónia de entrega de certificados aos formandos dos cursos de ‘Envelhecimento e Dependências’ e de ‘Gestão e Coordenação Técnica’, salientou que a atividade profissional dos cuidadores formais se centra na “prestação de cuidados de forma digna e qualificada”, justificando, assim, o investimento nesta área.

“O aumento da população idosa, associado ao aumento da longevidade e, por conseguinte, à maior prevalência de situações de dependência, veio enaltecer a importância da área dos cuidados na esfera social”, referiu a Secretária Regional.

“Queremos, por isso, melhorar a acessibilidade, reforçando a capacidade das respostas, mas, sobretudo, diversificando a resposta disponibilizada, correspondendo melhor às necessidades que são identificadas nas várias ilhas”, acrescentou Andreia Cardoso.

Atualmente, já receberam formação cerca de 200 cuidadores das ilhas Graciosa, Terceira e São Miguel, num investimento de quase 20 mil euros, avançando-se este ano com a formação de mais profissionais nas ilhas de Santa Maria, Pico, Faial, São Jorge, Flores e Corvo.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial