Pub

O FC Porto parte para a edição 2020/21 da Liga dos Campeões em futebol sem ser o favorito à vitória no Grupo C, face à presença do Manchester City, mas como forte candidato ao apuramento para os ‘oitavos’.

Num agrupamento com três técnicos portugueses, Sérgio Conceição tem ao seu dispor mais argumentos do que o ex-jogador ‘leonino’ Pedro Martins, nos gregos do Olympiacos, ou do que o portista André Villas-Boas, nos franceses do Marselha.

Face a este cenário, o objetivo dos campeões nacionais em título para a fase de grupos é a qualificação para os oitavos de final, com seria, eventualmente, num grupo mais complicado, pois sempre assim foi na sua já longa trajetória na prova.

Pub