Emanuel Furtado: Política e afins – A “Marca Açores”

A Marca Açores foi criada em janeiro de 2015, sendo coordenada pela Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores(SDEA) e caracteriza-se por ser uma marca territorial originária da nossa Região que se distingue por um elevado nível de sustentabilidade ambiental e uma rigorosa preservação dos seus recursos endógenos.

A Marca Açores trouxe uma garantia de origem aos produtos, bens e serviços dos Açores que os destaca dos demais e lhes induz um valor que isoladamente não teriam. É uma marca global de referência, identificativa da oferta dosAçores quer ao nível da promoção turística eum dos principais pilares impulsionadores da promoção dos produtose serviços regionais, tanto interna como externamente.

Cinco anos após a criação e materialização oficial da marca, o universo daMarca Açores é composto por mais de 200 empresas e o selo “Marca Açores – Certificado pelaNatureza” pode ser encontrado em mais de 3.600 produtos, serviços e estabelecimentos.

As mais de duas centenas de empresas aderentes à Marca Açores tiveram um crescimento médio de 22% nas vendas, nos últimos cinco anos, crescimento esse que tem sido apoiadopor diversas campanhas de comunicação,parcerias, eventos de ativação de marca, missões inversas, entre outras iniciativas,sempre acompanhadas de uma gestão muito próxima entre o Governo dos Açores e asempresas envolvidas.

Foram desenvolvidas, pela entidade que coordena a marca, um conjunto de atividades que, nos últimos três anos, integrou campanhas de comunicação e promoção que chegaram a mais de nove milhões de pessoas.

É, pois, uma importante estratégia para a consolidação da exportação de produtos e serviços que se constituem já como base da economia dos Açores, tendo-se registado, no último inquérito realizado, 98% de satisfação com estaestratégia, por partes das empresas.