Pub

Sónia Nicolau lamenta “mais um momento político do PSD/A” ao colocar o relatório no domínio da segurança e prevenção produzido pelas escolas “na gaveta”.

A deputada Sónia Nicolau lamentou “o mais recente momento político” do Partido Social Democrata, o qual acusa o Governo dos Açores de falta de cumprimento da resolução da Assembleia Legislativa dos Açores, que recomenda a existência de planos de segurança e de evacuação nos edifícios de ensino da rede pública. Para a parlamentar, o requerimento anunciado pelo PSD/A é “desnecessário”, pelo facto de essa informação existir e ser disponibilizada aos deputados, afirmando também que, deste modo, os sociais democratas demonstram “total desconsideração” pelo trabalho realizado pelas escolas ao “colocar o relatório no domínio da segurança e prevenção, por as mesmas emitido, na gaveta”.

“Estes relatórios, onde constam o conjunto vasto de iniciativas realizadas pelas escolas da Região, promovem um ambiente de prevenção e segurança, no plano da proteção civil, à comunidade escolar e são enviados anualmente ao parlamento”, esclarece.

Sónia Nicolau explica ainda que, “no conjunto de 40 unidades orgânicas, existem seis escolas que, por estarem a ser intervencionadas ou prestes a ser intervencionadas, foram dispensadas da apresentação da atualização dos planos de segurança, como é exemplo a Escola Canto da Maia ou a das Capelas, conforme consta de informação igualmente enviada ao parlamento em dezembro de 2018”. Pelo que, continuou a deputada socialista, “existe total transparência e informação por parte do Governo. A única surpresa é o desconhecimento do PSD/A em tão premente tema”.

“O PSD/Açores não pode aplaudir os investimentos do Governo dos Açores nessas mesmas escolas e, simultaneamente, querer que estas possuam os referidos planos. Algo, materialmente impossível e só contribui para o reforço da incoerência política do PSD/Açores” concluiu.

Pub