Criando sinergias do Alentejo aos Açores

Seja o primeiro a partilhar esta notícia
Diretores da MiratecArts e das Descalças Cooperativa Cultural encontraram-se em Castelo de Vide para assinar um protocolo entre as duas entidades e propagar o objetivo de dar mais visibilidade às palhaças de todo o mundo.
Terry Costa e Maria Simões têm vindo a colaborar através do Azores Fringe, o festival internacional de artes nos Açores, desde a sua primeira edição em 2013. Agora, pretendem fortalecer suas relações criando uma extensão do Bolina – Festival Internacional de Palhaças, que acontece no Alto Alentejo, onde a sua futura edição, em 2021, incentivará as artistas palhaças a fazerem o percurso ao meio do Oceano Atlântico para continuar a jornada.

Inspiradas nos poucos festivais de palhaças que existem no mundo, o Bolina – 1º Festival Internacional de Palhaças, produzido por Descalças Cooperativa Cultural, em 2015, aconteceu na ilha de São Miguel, Açores. A segunda edição reuniu em 2017 a Rede Internacional de Palhaças em Castelo de Vide. O 3º BOLINA, a acontecer de 4 a 11 de Maio 2019, abrange várias localidades do Alto Alentejo com sede em Portalegre.

“Estamos assim a criar um espaço de encontro e reflexão entre as participantes, proporcionando formação a artistas e público em geral, bem como dar ao público local e turista a possibilidade de assistir a espetáculos de elevada e reconhecida qualidade artística internacional” diz Maria Simões a fundadora do Bolina. Para Terry Costa esta é mais uma oportunidade de atrair artistas para os programas da MiratecArts e de dar mais oportunidades de apresentação e desenvolvimento não só às participantes, mas também às audiências açorianas, especialmente na ilha do Pico.