PUB

O forno crematório de Ponta Delgada, instalado no Cemitério de São Joaquim, voltou a estar operacional, após a conclusão dos trabalhos de reparação.
Foi efetuada uma intervenção, que envolveu a deslocação de dois técnicos de uma empresa especializada aos Açores, para se proceder à reparação da anomalia detetada e garantir o funcionamento do forno crematório.

Entretanto, a Câmara Municipal de Ponta Delgada está a desenvolver os procedimentos necessários para avançar com a construção de um segundo forno crematório no Cemitério de São Joaquim, em Ponta Delgada, reforçando a capacidade instalada para servir o concelho e a ilha de São Miguel.

O investimento no novo forno crematório pretende corresponder a uma tendência de crescimento da procura do processo de cremação na ilha de São Miguel. Durante os primeiros onze meses de 2022, o crematório de São Joaquim recebeu 140 funerais, quando, no decurso de todo o ano de 2021, registou 146 cremações.

PUB

Recorde-se que a Câmara Municipal de Ponta Delgada inaugurou o crematório, em 2008, sendo um dos primeiros municípios a nível nacional a disponibilizar este serviço, sendo o único município na ilha de São Miguel com este equipamento.

Pub