Pub

“O património cultural em espaço europeu é extremamente importante para a coesão económica e social de toda a Europa”, sublinhou Susana Goulart Costa, esta quinta-feira, durante as Jornadas Parlamentares que decorrem em São Jorge. A deputada do Grupo Parlamentar do PS Açores falava aos jornalistas no âmbito das iniciativas que estão a ser promovidas, para assinalar 2018 como o Ano Europeu do Património Cultural.

“Os Açores não estão isentos da preocupação com estas questões do património cultural”, adiantou a deputada do PS Açores, após a visita ao Atelier de Conservação e Restauro de Obras de Arte de São Jorge e à Igreja de Santa Bárbara, nas Manadas, que a própria considerou como “símbolos do investimento cultural nos Açores”.

Ainda sobre o Atelier de Restauro, Susana Goulart Costa também destacou que, tratando-se de “uma iniciativa privada, faz esta ligação aos desafios da comunidade europeia, que é a criação de pequenas empresas que se dedicam a questões do património cultural, com emprego altamente qualificado”.

“Penso que há excelentes exemplos em São Jorge de como o turismo cultural pode vir a ser ferramenta de grande qualidade para a dinamização turística. Há um grande trabalho a fazer. Também por parte dos poderes locais e das empresas locais está a haver uma crescente consciencialização no que diz respeito às questões que a Comunidade Europeia cria em 2018, que é a Coesão Económica e Social. São Jorge é uma ilha que tem um potencial de grande valor neste aspeto”, concluiu a parlamentar.

Pub