Confirmada presença de sete chefes de Estado em Cabo Verde na cimeira da CPLP

Sete chefes de Estado, além do anfitrião Cabo Verde, já confirmaram a presença na cimeira da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), agendada para julho, na ilha do Sal, segundo informação da Presidência cabo-verdiana.

Marcelo Rebelo de Sousa, de Portugal, João Lourenço, de Angola, Michel Temer, do Brasil, José Mário Vaz, da Guiné-Bissau, Teodoro Obiang, da Guiné-Equatorial, Filipe Nyusi, de Moçambique, e Evaristo Carvalho, de São Tomé e Príncipe, são as presenças confirmadas na cimeira.

A estes junta-se Jorge Carlos Fonseca, chefe de Estado do país anfitrião do encontro, que marca o arranque da presidência cabo-verdiana da comunidade lusófona.

A confirmação da presença de Teodoro Obiang foi divulgada oficialmente pela Presidência da República de Cabo Verde, após um encontro, na segunda-feira, em Brasília, entre o vice-Presidente da Guiné Equatorial e filho do Presidente, ‘Teodorin’ Obiang, e o chefe de Estado cabo-verdiano, Jorge Carlos Fonseca.

A Presidência cabo-verdiana confirmou hoje a presença na cimeira do Sal, do chefe de Estado brasileiro, Michel Temer, que se encontrou também com Jorge Carlos Fonseca, em Brasília, à margem do 8.º Fórum Mundial sobre a Água.

“O chefe de Estado cabo-verdiano aproveitou a ocasião para reiterar o convite endereçado ao Presidente Michel Temer para participar na conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, tendo o Presidente Temer confirmado a sua participação no evento”, adiantou a Presidência.

Com a confirmação de Michel Temer, prossegue, eleva-se para sete o número de chefes de Estado a confirmar presença na cimeira do Sal.

A cimeira do Sal, agendada para 17 e 18 de julho, decorrerá sob o lema “Cultura, Pessoas, Oceanos” e deverá ter como uma das discussões políticas centrais a questão da circulação e mobilidade no espaço lusófono.

Timor-Leste, o nono país-membro da CPLP, ainda não confirmou a presença na cimeira.