Pub

“Foi possível verificar a excelência genética dos animais, o que assume uma dedicação e empenho dos produtores da vocação natural na produção de leite dos Açores”, defendeu o Secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural.

A propósito do concurso Micaelense da Raça Holstein Frísia, que decorreu este fim de semana, em São Miguel, António Ventura congratulou a Associação Agrícola da ilha pela retoma e organização do evento, que promove a excelência genética e dedicação dos produtores nos Açores.

Segundo o governante, “a grande afluência de participação dos produtores neste concurso é o reconhecimento da resiliência da pecuária de leite, neste período pandémico” atual, “e prova a verdadeira manifestação de vontade na afirmação genética a nível regional, nacional e europeu”.

Nesse sentido, o Secretário Regional entende que a Região deve ser “exportadora de genética animal”, acrescentando que esta exposição pecuária divulga “as potencialidades que os Açores detêm na produção de leite, transformação e na diversificação de produtos lácteos”.

Pub

“Acreditamos que a naturalidade da nossa Região, aliada ao agroprodutivo, encontra eco nos mercados e nos novos nichos de consumidores”, valorizou ainda.

“Somos um arquipélago que contribui para a neutralidade carbónica, para o combate às alterações climáticas, para a preservação do solo e para as normas do bem-estar animal”, concretizou.

Pub