PUB

O Chega/Açores saudou hoje a decisão da mulher do secretário regional da Agricultura, Fernanda Ventura, por ter abdicado do cargo para o qual foi nomeada, relembrando que tinha questionado o Governo dos Açores sobre esta matéria.

Aquela força política recorda que tinha enviado um requerimento ao parlamento dos Açores, pedindo ao Governo Regional “explicações sobre os contornos do concurso público que nomeou a esposa do atual secretário regional da Agricultura para um serviço por ele tutelado”.

A mulher do secretário da Agricultura do Governo dos Açores abdicou do cargo, ganho por concurso público, de diretora de serviços na tutela do marido, rejeitando a “suspeição falsa de privilégio”, revelou hoje a própria à agência Lusa.

PUB

“Não tenho apego a cargos ou dirigismo. Tenho apego ao meu prestígio profissional. Por ele, e só por ele, abdico do lugar a que me candidatei por concurso, não tendo até ao momento aceite a nomeação, nem assinado o termo de posse”, disse à agência Lusa Fernanda Ventura.

Para o deputado e líder do Chega/Açores, José Pacheco, “foi tomada a melhor decisão depois de toda a polémica causada”.

“O Chega tinha questionado o Governo Regional, a bem da ‘transparência e clarificação’ de todo o processo, sobre o processo concursal que nomeou para uma comissão de serviço de três anos, Fernanda Ventura, do quadro regional da ilha Terceira, afeta à Direção de Serviços de Apoio ao Investimento e à Competitividade – Direção Regional do Desenvolvimento Rural, para passar a exercer o cargo de diretora de Serviços de Apoio ao Investimento e à Competitividade da Direção Regional do Desenvolvimento Rural, Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural”, afirma o partido.

José Pacheco salvaguarda que “ninguém pode ser beneficiado, mas também ninguém pode ser prejudicado” pelas suas ligações familiares, no que diz respeito à situação profissional”, sendo que os valores do mérito e da transparência devem ser sempre uma bandeira a seguir, seja ao nível dos concursos públicos, seja ao nível das nomeações”.

Pub