Centeno “não sairá do Governo em circunstância alguma” diz António Costa

O primeiro-ministro renovou hoje a confiança no ministro das Finanças e frisou que Mário Centeno “não sairá do Governo em circunstância alguma” relacionada com alegadas investigações sobre benefícios em troca de bilhetes de jogos de futebol.

“O professor Mário Centeno é uma pessoa de enorme dignidade e seriedade que tem prestado serviços de grande relevância para o país em quem mantenho toda a confiança e que em circunstância alguma sairá do Governo”, afirmou António Costa.

O líder do executivo socialista reagia a questões dos jornalistas sobre buscas, na sexta-feira, no Ministério das Finanças supostamente relacionadas, segundo o jornal Correio da Manhã, com idas ao Estádio da Luz de Mário Centeno e alegada intervenção em processos de isenção de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) por parte de um filho do presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira.